PORQUE O JOELHO INCHA? QUAIS AS CAUSAS? O QUE FAZER?

Você volta do treino de corrida, do crossfit, do futebol ou de uma simples caminhada e nota que o joelho esta um pouco mais duro, com um certo desconforto para dobrar e que seu volume aumentou consideravelmente. Logo pensa: será que exagerei no treino? Será que me lesionei?


O inchaço do joelho, conhecido como “derrame articular” e popularmente como “água no joelho” é uma situação relativamente frequente nos esportes e desencadeada nem sempre por apenas uma, mas muitas vezes por várias causas associadas.



Normalmente o inchaço no joelho depende diretamente da presença dentro da cavidade articular, de uma coleção líquida, que pode ser de líquido sinovial, sangue ou pus. O seu aparecimento pode acontecer de modo muito rápido (uma a duas horas após a prática esportiva), rápido (até seis horas) ou lento (dois ou mais dias).

Dependente de uma quantidade menor ou maior da colecção líquida intra-articular, o joelho apresenta a tumefação com menor ou maior tensão, condicionando-o por isso a uma perda menor ou maior da mobilidade.

Habitualmente o aumento da tensão intra-articular associa-se ao aparecimento de desconforto ou mesmo dor, que em situações extremas é bastante insuportável.

Mas, quais seriam as causas do inchaço nos joelhos?

Abaixo vou listar as 10 principais causas comuns para que isso ocorra:

1 – Inchaço após entorse

Uma contusão direta ou entorse do joelho durante o esporte tensiona e pode romper estruturas internas do joelho como ligamentos, tendões, bursas, menisco ou cartilagem articular Uma vez lesionadas, pode haver sangramento. Por isso, chamamos também de “hemartrose. Estatisticamente, sabe-se que um inchaço repentino após o entrose do joelho esta ligado a 75-85% de chance de uma ruptura do ligamento cruzado anterior. Por isso, a investigação da lesão com manobras deve ser realizada imediatamente.

2 – Artrose do Joelho

Esta é a principal causa de inchaço crônico com períodos de melhora ou piora.

A degeneração da cartilagem da articulação do joelho pode resultar em uma superprodução de fluido articular, fazendo com que o joelho a inchar. Um joelho inchado devido à artrose do joelho é tipicamente acompanhado por dor. Classicamente, o individuo percebe agravos de sintomas logo após o treino e percebe alívio pelo uso de anti-inflamatorios e gelo.

3 – Bursite

Em todo o corpo, as bursas são “bolsinhas, cheias de líquido que reduzem o atrito entre músculos, tendões e pele. Uma bursa inflamada do joelho pode encher-se com excesso de fluido, causando inchaço ou água fora do joelho.

As bursas mais afetadas no joelho são a pré-patelar, com aumento do volume logo acima da patela e e da “pata de ganso”, abaixo e na região interna do joelho.

4 – Gota

O quadro clássico é o inchaço no joelho pode ocorrer rapidamente e ser acompanhado por dor, vermelhidão e calor excruciante. É causada por um acúmulo de cristais de ácido úrico microscópico na articulação define um ataque de gota. Homens são mais propensos a esta condição, especialmente dias após a ingestão de álcool, frutos do mar e carnes vermelha.

5 – Pseudo-gota

Menos comum, mas semelhante à gota, pseudo-gota é um acúmulo de cristais de pirofosfato de cálcio em uma articulação. O acúmulo de cristais normalmente causa dor súbita e intensa e inchaço. Ocorre mais freqüentemente no joelho.

6 – Artrite Reumatoide

É uma doença auto-imune, na qual o organismo fabrica anti-corpos contra o tecido sinovial que reveste a articulação . Pode causar, além do inchaço, rigidez, dor, sensibilidade e vermelhidão. Os sintomas ocorrem frequentemente em ambos os lados do corpo. Embora os joelhos possam apresentar sintomas, as mãos, punhos e pés são mais freqüentemente afetados por esta doença.

7 – Cisto de Baker

Trata-se de uma bolsa localizada na região posterior do joelho. Pode não ter outros sintomas ou pode ser acompanhado de dor e rigidez. Quase sempre esta associado a outras lesões como a artrose e lesão de meniscos. Por este motivo, não deve ser tratado isoladamente.

8 – Artrite Reumatoide Juvenil

Dor, inchaço articulações em crianças e adolescentes pode também ter causa auto-imune. Pode cursas com febre ou erupções cutâneas.

9 – Artrite séptica

Bactérias ou outros micro-organismos podem penetrar o revestimento delicado que envolve a articulação do joelho, infectando a articulação e potencialmente fazendo com que ele se encha de pus. Inchaço repentino do joelho, dor intensa no joelho e febre são sinais de artrite séptica.

10 – Síndrome da plica sinovial do joelho

Em geral, ocorre quando uma estrutura denominada plica sinovial medial, uma invaginação normal da membrana que envolve o joelho presente em 50 a 70% das pessoas interpõe-se entre a patela e fêmur torna-se irritada e inflamada causando incômodo, dores, estalidos e inchaço, com acúmulo de líquido dentro da articulação.

Meu joelho inchou. O que faço agora?

O recomendado é iniciar uma terapia composta por: repouso, gelo, compressão e elevação.

  • Descanse o joelho: Não faça qualquer atividade que cause dor. Evite ficar em pé o maior tempo possível;