QUEM TEM DOR OU HERNIA DE DISCO, PODE PRATICAR ATIVIDADE FISICA?

Atualizado: Ago 23

Não importa qual seja a sua paixão: Corrida, Tênis, Futebol, Musculação, Basquete, Natação, Crossfit, Vôlei, enfim queremos nos movimentar, suar, competir e se divertir.

Além de ajudar a prevenir problemas lá na frente, os exercícios deixam nossos neurônios mais capacitados para responder aos desafios do dia a dia .

E os benefícios são muitos. As revisões científicas apontam que a prática de uma atividade física diminui o risco de comprometimento cognitivo leve em 35% e o de Alzheimer em 51%.

Médicos, Fisioterapeutas e Educadores sugerem que todos os adultos deveriam evitar o excesso de comportamentos sedentários e assim conseguiriam evitar, por exemplo, lesões e crises de dor na coluna.

Simples medidas já produzem um efeito gigante em nosso cérebro: levantar-se da cadeira a cada 30 minutos para dar alguns passos, valorizar as atividades leves, como subir escadas ou ir até a mesa do colega em vez de enviar um e-mail, e checar se não é possível cumprir determinadas tarefas em pé ou mesmo andando.



Por isso, para quem adora atividade física, não há coisa pior do que ficar sem se exercitar por algum problema de saúde.

Muitos pacientes que chegam aos consultórios de fisioterapia apresentam dores na coluna e grande parte queixa-se de hérnia de disco.

Segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 2016, a hérnia de disco representa 90% dos problemas ligados à coluna. Caracterizada como dor recorrente mais comum na região lombar, a hérnia discal tem mais de 2 milhões de registros por ano somente no Brasil. 

Mas antes de saber se o paciente pode ou não se exercitar, é fundamental que ele passe por uma avaliação fisioterapêutica. O objetivo da anamnese é verificar quais são as contra-indicações relativas e absolutas para este paciente, o que pode variar de acordo com a intensidade do problema. 

Caracterizada pela perda da altura e ganho do diâmetro do disco intervertebral (abaulamento), a hérnia de disco ou discopatia como também é chamada, pode gerar uma série de sintomas, como dor nas costas, queimação, formigamento e perda da mobilidade

Somente um fisioterapeuta treinado e capacitado para examinar e avaliar dinamicamente o paciente terá habilidade para fazer a diferenciação entre as contra-indicações absolutas e as relativas.  


CONTRA-INDICAÇÕES ABSOLUTAS E RELATIVAS

As contra-indicações absolutas são aquelas em que o paciente torna-se impossibilitado de  desenvolver determinados exercícios, correndo o risco de ter novas crises de hérnia.

As relativas são aquelas menos definitivas. O paciente se submete a um tratamento da coluna e posteriormente retorna às atividades físicas

A boa notícia é que apenas uma pequena parcela das atividades que nós fazemos no dia a dia são contra-indicações absolutas, ou seja, geralmente o paciente estará apto a fazer atividade física após um tratamento adequado. O importante é que, na dúvida, o paciente passe por uma avaliação com um fisioterapeuta, submeta-se a um tratamento e somente depois volte a se exercitar. 


Então já sabe né? Se você tem dor, NÃO se auto-medique sem saber a causa das suas dores.

Não existe medicamento mágico, pomada, massagem, técnica revolucionária, exercício único! Esqueça isso!

Não existe receita de bolo, ou seja, cada paciente precisa de um tratamento específico para seu caso e por isso uma avaliação é fundamental!

Outra coisa, você pode até fazer um exame, mas não acredite em tudo que vai ler!

Leve este exame a um bom profissional que saiba ler e interpretar bem o laudo, mas faça PRINCIPALMENTE uma boa Avaliação Física utilizando testes Ortopédicos e Neurológicos com embasamento Científico! Só assim você vai tratar o que de fato te causa dor!


No passado as pessoas eram obrigadas a sofrer, pois estas patologias não tinham cura e nem TRATAMENTO. Mas as pesquisas e estudos avançaram e HOJE a Fisioterapia já está conseguindo ajudar a ELIMINAR as dores de Coluna.


Aqui na clinica (ONE FISIOTERAPIA), realizamos esse processo e estamos colhendo muitos DEPOIMENTOS de pacientes que estão ficando cada vez mais satisfeitos com os resultados.

Clique AQUI para ver os depoimentos.


Está sofrendo com dor?

Então, comece pelo início.

Primeiro você precisa de um profissional totalmente comprometido com a metodologia. É importante saber sua formação e suas qualificações.

Faça uma visita ao Instituto escolhido para ver como se sente, se gosta do ambiente.

Você precisa se sentir à vontade, pois a sessão do Tratamento tem a ver não só com o bem-estar físico, mas também mental.

Marque também um Tele-atendimento. É a melhor forma de ter um primeiro contato com a técnica e o Especialista que irá lhe atender e mostrar seus exames, contar um pouco da sua história, das suas queixas, dos tratamentos que já realizou e não obteve sucesso e tirar TODAS as suas dúvidas.

Que tal agendar um Tele atendimento GRATUITO e conhecer melhor nosso método?

Acesse nosso site clicando aqui e agende AGORA seu atendimento!

O tratamento busca encontrar e corrigir todas as disfunções que podem interferir no processo de instalação da doença, devolvendo a funcionalidade dos segmentos a fim de proporcionar uma melhor adaptação do corpo.


#drgiulianomartins #onefisioterapia #dornascostas #dornoquadril #herniadedisco #dordecabeca #ciatico #artrose #dornojoelho #fibromialgia #dornoombro #pilatesribeiraopreto #quiropraxiaribeiraopreto #fisioterapiaribeiraopreto #pilatescuritiba #quiropraxiacuritiba #fisioterapiacuritiba

CONTATO

Ribeirão Preto

Rua José Jaime Delibo, 160
CEP 14026-563 - Jardim Nova Aliança

Ribeirão Preto/SP

Curitiba

Av. Silva Jardim, 3161
CEP 80240-021 - Bairro Água Verde - Curitiba/PR

Qual unidade gostaria de falar ?

© 2020 por ONE Fisioterapia. Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Onegate